Feliz ano novo só com vida nova

Publicado em 31/12/2009

E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas.
2 Coríntios 5:17

Fomos, pois, sepultados com ele na morte pelo batismo; para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim também andemos nós em novidade de vida.
Romanos 6:4

A cada fim de ano é costume as pessoas fazerem balanço... Avaliam o ano que passou, se foi bom ou ruim, se trouxe alegrias ou tristezas, realizações ou frustrações. E todos desejam que o novo ano seja melhor.

É comum as pessoas terem uma lista de desejos que esperam que se realizem...
Fazem planos para o ano novo, desejando, que com ele venha vida nova.

Entretanto, logo no primeiro ou segundo dia do ano, tudo volta a ser como era antes.
E por quê?

Porque vida nova não depende de ano novo.
Depende, primeiramente, de estar em Cristo... Quem está em Cristo é novo... é nova criatura...
Em segundo lugar, depende de um andar. Da ação concreta de cada dia. Uma vez que o que éramos (sem Cristo) já morreu, agora podemos andar em “novidade de vida.”

Deus não tem para nós apenas um ano novo. Ele tem uma vida nova de verdade.
Então, com base nesta idéia de andar em novidade de vida, quero aproveitar para deixar três conselhos para o ano novo:

1º.) Comece ou aprofunde seu relacionamento com Deus.

Estar em Cristo depende de tê-lo como Senhor de sua vida.
Arrependa-se de ser o seu próprio senhor e convide Jesus a ser o Senhor de sua vida.

Você já deve ter ouvido a história daquele quadro famoso em uma exposição, em que Jesus aparece do lado de fora, batendo numa porta, em alusão a Apocalipse 3.20. Então alguém observou ao pintor que a pintura parecia-lhe ter um defeito, porque não havia maçaneta na porta. Ao que o pintor explicou que não havia defeito nenhum, porque a porta ali simboliza o coração e não tem maçaneta do lado de fora porque só pode ser aberto por dentro.

Estar em Cristo é um mistério que só acontece quando você o convida a entrar. A partir daí, inicia-se um relacionamento. Quanto mais perto você está, mais isto se reflete em renovação e força em sua vida. Quanto mais distante, mais desgastado e sem vida você estará.

2º.) Coloque sua vida em ordem.

A Bíblia é clara que, para andar em novidade de vida é preciso sepultar o que é velho.
Li recentemente a respeito de uma garota que pedia para a sua avó a solução de um problema grave. A avó disse: "suba, arrume suas gavetas e após fazer isso você terá a solução".

No momento em que você limpa a sua gaveta e joga fora aquilo que não presta, está reprogramando de modo prático o seu interior. Arrumar as coisas é uma das melhores chaves para conseguir serenidade e respostas para problemas muito difíceis.

Aproveite este começo de ano, e arrume suas gavetas. Com certeza vai ajudar você a encontrar solução para muitos de seus problemas.

Faça uma limpeza em sua casa e em suas coisas e você começará a ver resultados noutras áreas.
Uma boa leitura para o ano é o livro “Ponha Ordem no Seu Mundo Interior” de Gordon MacDonald, Editora Betânia.

3º.) Tenha consciência do que está construindo e vá em frente.

Certa vez um viajante se deparou com uma obra em início de construção. Perguntou a um pedreiro o que ele estava fazendo e este lhe disse: Estou quebrando pedras, não vê? É um trabalho horrível que está acabando com minhas mãos e coluna. Já não suporto mais este trabalho.

Outro pedreiro lhe respondeu: Estou ganhando a vida... não posso reclamar pois foi o melhor que consegui... pelo menos estou levando o pão de cada dia para meus filhos.

Por fim, um último pedreiro lhe respondeu: Estou construindo uma grande Catedral.
Nas três respostas cada um manifestou a sua visão.

Para o primeiro, seu trabalho era um sacrifício e isto certamente tornava tudo muito mais difícil e negativo.

Para o segundo, era apenas um meio de viver a vida... Fazia o trabalho com indiferença e conformismo, apenas por obrigação, para obter o resultado imediato.

Para o terceiro, era motivo de orgulho e satisfação. Ele tinha consciência da importância do que fazia e o sentimento de participar de algo de grande significado. E isto certamente lhe dava mais força, ânimo e felicidade.

Não basta ter desejos, é preciso entender a importância do que se está fazendo e, assim, traçar planos de ação para realizar coisas nobres.
O relacionamento com Deus e a consciência de estar participando da grande obra de Deus dão ao cristão um sentido de novo a cada novo dia.

Um feliz 2010, em Cristo, pra você.



 Compartilhar no Whatsapp

NEWSLETTER

Outras mensagens do Presidente

Use a barra de rolagem para ver outras postagens