O que cai bem para o justo

Publicado em 28/06/2011

Salmo 33.1

Cantem de alegria ao Senhor, vocês que são justos; aos que são retos fica bem louvá-lo.

O louvor a Deus combina com a retidão e a justiça, assim como a luz com o dia e o azul do céu com o mar.

O Salmo inicia incentivando os justos a louvar a Deus, pois isto é o que combina com a justiça e o serviço a Deus.

Murmuração não combina com o caráter cristão. O que combina, o que fica bem, é gratidão e louvor.

Depois o Salmo continua descrevendo o caráter de Deus e o poder que ele demonstrou como criador de tudo. Também discorre que Deus continua demonstrando o seu poder ao cumprir os seus desígnios em todas as nações.

Finaliza afirmando que Deus examina a todos os homens, mas tem um cuidado especial por aqueles que o temem e esperam na sua misericórdia (versículos 18 a 22).

O louvor, é, portanto, não apenas um reconhecimento de quem Deus é, mas uma expressão de confiança no cuidado dele, mesmo em meio a circunstâncias tenebrosas.

“As palavras dos meus lábios e o meditar do meu coração sejam agradáveis na tua presença, SENHOR, rocha minha e redentor meu!” (Salmo 19.14)



 Compartilhar no Whatsapp

NEWSLETTER

Outras mensagens do Presidente

Use a barra de rolagem para ver outras postagens